o que fui

27 06 2012

em tudo falhei, como te adorei e te quis e até nisso eu falhei. abri as portas de minha casa para te receber, foste mais que sangue do meu sangue, foste molecula de ser que se repartia por um universo de particulas microscopicas q nunca resistiriam por si so. foste uma janela numa casa fechada, teimosa por custar a abrir. sei q as tuas palavras sao de dor, pois so quem ama sofre e so quem ama magoa.

hoje fui oco mas não fui oco por querer; hoje fui oco porque deixei de te ter..

Anúncios

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: